Presidente do Fortaleza recusou venda de mando para o Palmeiras: “maior patrimônio é a torcida”

Marcelo Paz também divulgou um balanço financeiro do clube, nesta quarta-feira (11), através das redes sociais

O presidente do FortalezaMarcelo Paz, apresentou, nesta quarta-feira (11), um balanço financeiro do clube durante a Série A do Brasileirão. Através de um vídeo, o dirigente destacou a recusa de uma proposta do Palmeiras para comprar o mando de campo da partida do dia 22 (domingo), marcada para a Arena Castelão. O valor seria entre R$ 700 mil e R$ 800 mil, proposto por um empresário que procurou a diretoria tricolor.

“Recebemos uma proposta para que o jogo Fortaleza x Palmeiras fosse feito fora do nosso Estado. Isso nos garantia entre $ 700 mil e R$ 800 mil reais líquidos na mão. E nós recusamos porque confiamos na torcida, porque temos um compromisso com o sócio-torcedor e em nenhum momento iremos vender mando de campo porque o Fortaleza precisa estar perto da torcida. Um empresário nos procurou e ofereceu um valor líquido que de pronto recusamos pois nosso maior patrimônio é a torcida”, revelou.

O balanço também mostra as médias de renda líquida com a bilheteria, o estacionamento e os bares do estádio durante os jogos do clube no Brasileirão. “Em nove jogos acumulamos de renda líquida R$ 1,245 milhões de bilheteria, com média de R$ 138 mil por jogo. Nos bares, que é uma inovação, esse ano conseguimos R$ 31 mil de média num total acumulado de R$ 279 mil. E no estacionamento, uma média de R$ 21,450 com uma receita total de R$ 193 mil”, declarou.

Paz considera que após 18 rodadas, o Fortaleza está nos rumos planejados no começo do ano, com a meta de continuar na elite nacional. Além disso, agradeceu a presença dos torcedores na Série A, tendo uma das melhores médias de público do Brasil.

“Estamos fazendo uma campanha de razoável para boa, dentro dos objetivos traçados no começo da competição. Com 18 rodadas, em apenas duas estivemos na zona de rebaixamento. Sabemos que precisamos vencer mais jogos em casa, é fato. Depois de 13 anos fora, com as dificuldades financeiras impostas, temos a pior cota da Série A em termos de televisão, mas temos uma torcida sensacional, 5ª melhor média de público do país, nos ajudando bastante”, finalizou.

O Fortaleza visita o Bahia neste domingo (15), às 16h, pela 19ª rodada do Brasileirão, fechando o 1º turno. Na tabela, a equipe ocupa a 13ª posição, com 21 pontos. Publicado por o Diário do Nordeste.