Concurso: Ministério Público de Ubajara pede o afastamento do prefeito Renê Vasconcelos

O Ministério Público de Ubajara, aplicou uma Ação Civil Pública de improbidade administrativa (ACP), que pede o afastamento do prefeito Renê Vasconcelos pelo descumprimento da liminar do concurso público que se venceu em outubro de 2018. Até o momento não foi lançado edital.

De acordo com o processo, o gestor está demonstrando menosprezo pelas decisões judiciais. Além do afastamento, o MPCE pede multa diária no valor R$ 2.000,00 além do pagamento dos custos judiciais no valor de R$ 100.000,00.

Concurso

O projeto do concurso público já foi aprovado na Câmara Municipal em março, no entanto, são somente 64 vagas, a maioria para nível superior e nenhuma para nível fundamental ou médio. Até o momento o edital não foi lançado.

Entramos em contato com a assessoria da prefeitura de Ubajara, mas até o momento não obtivemos respostas.