Ubajara Notícias

Estudantes de Natal são vítimas de golpe ao alugar apartamento na Av. Beira Mar

Noves estudantes de Publicidade da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) foram vítimas de um golpe na internet. Os universitários haviam alugado um apartamento em Fortaleza, localizado na Avenida Beira Mar, por quatro dias para participar de um congresso acadêmico, o Intercom.

Para garantir a reserva da hospedagem, os estudantes depositaram a metade do valor cobrado pela estadia, que corresponde a R$ 240. Só descobriram em Fortaleza que não tinham de fato garantido a hospedagem.

Parecia real

“Fizemos o pagamento quando recebemos o contrato. O documento portava os dados, endereço e o Comprovante de Pessoa Física. E, por não termos visto nenhum comentário negativo na internet, a gente acreditou que fosse real”, disse o estudante Francisco Oliveira, em entrevista ao programa Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT.

No último domingo (25), Fernando tentou entrar em contato com a proprietária, chamada Kássia Alves Abreu, mas não obteve retorno. Devido a desconfiança, as vítimas procuraram o nome da mulher na internet e encontraram publicações de outras vítimas alertando sobre o golpe.

“A gente já estava com o dinheiro contado para esse congresso. Mas, em 48 horas, tivemos que buscar outro local e saiu muito mais caro. Mas, graças a Deus, estamos bem hospedados”, afirmou Larissa Sousa. Os acadêmicos irão fazer um boletim de ocorrência na delegacia dos turistas na manhã desta sexta-feira (30).

egundo as informações do contrato, o apartamento fica localizado na Av. Beira Mar, 3.620, no Meireles. No local, está o  Condomínio Rah Villa Costeira. A equipe do Tribuna do Ceará tentou entrar em contato com Kássia Alves Abreu para simular uma reserva, mas as ligações não foram atendidas.

Em publicação no site da OLX, uma usuária alerta para o risco de golpes. “Uma anunciante frequente aqui na OLX, uma tal de Kassia A. Abreu. Ela oferece um apartamento para alugar na Av. Beira Mar e pede adiantamento do valor”, diz o alerta.

Em resposta ao Tribuna do Ceará, a OLX informou que repudia esse tipo de conduta e explica que a empresa não tem o controle das negociações porque “são realizadas fora do ambiente do site”. Além disso, a empresa recomenda aos usuário ficarem atentos a anúncios de preços baixos e orienta pesquisarem a média de valores dos hotéis da região. Mais dicas estão disponíveis no site da OLX.

Tribuna do Ceará