Ubajara Notícias

MP do Ceará determina o cancelamento da licitação do Forricó a prefeita do Icó

O Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) expediu, nesta quarta-feira (14), uma recomendação à prefeita de Icó, Laís Nunes, para cancelar a licitação do Forricó. Para o órgão, os gastos com a festividade são incompatíveis com os salários atrasados dos servidores municipais.

O órgão alerta ainda que a realização do Forricó “viola flagrantemente os princípios de eficiência e da moralidade administrativa”, e, caso a prefeita Laís Nunes decida ignorar a recomendação e dar sequência à licitação, será alvo de “medidas judiciais e extrajudiciais cabíveis”.

Repercussão nas redes

Além do Ministério Público, a previsão de gastos com a festividade repercutiu negativamente também nas redes sociais. “Como assim licitação para o Forricó 2017? Não tem dinheiro para pagar o piso dos professores, não tem dinheiro para pagar o mês de dezembro dos servidores, não tem dinheiro para cumprir as obrigações básicas do município etc, e para o Forricó 2017 tem?”, publicou Victor Luiz.

Confira a decisão:

Ceará News 7