Ubajara Notícias

Carro que partiu corpo de vítima ao meio na BR-116 é apreendido

Uma operação do Departamento de Inteligência Policial (DIP) localizou e apreendeu o veículo que atropelou e matou Francisca Sulamita dos Reis Marques, no km 10 da BR-116. A vítima teve o corpo partido ao meio. O carro modelo Corsa foi apreendido na madrugada desta segunda-feira, 13, no bairro Montese. Partes do automóvel, como motor, bancos, placas e caixa de marcha, foram encontradas em uma oficina na Paupina, na Messejana.
O motorista, que já foi identificado pela Polícia, fugiu do local do acidente. O carro apreendido foi levado para a Delegacia de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP). Segundo o diretor do DIP, delegado Renê Andrade, o condutor possui duas alternativas: se apresentar à Polícia ou ser preso em ação policial.
“As buscas continuam no sentido de prendê-lo. As operações da Inteligência resultaram na localização do veículo e na identificação do atropelador. Agora nosso objetivo é localizar o restante do corpo. É questão de horas”, comentou o delegado Renê.
Um inquérito policial foi instaurado na Divisão de Homicídios. Testemunhas do acidente foram ouvidas na noite deste domingo. Apenas as pernas da vítima foram recolhidas ao Instituto Médico Legal (IML), mas o tronco dela ainda está desaparecido.

Participação em corridas
A investigação do DIP aponta que o suspeito de atropelar Sulamita participa tanto de corridas legais, quanto ilegais. Os policiais também colheram informações de que o homem costumava dirigir em alta velocidade.
“Ele participava de corridas de arrancada. Tanto corridas autorizadas, quanto não autorizadas. Ele inclusive tem troféus (de corridas)”, disse o delegado Renê.

LUCAS MOTA
O Povo