Ubajara Notícias

Acusado de matar comerciante asfixiada é condenado a 16 anos de prisão

imageO Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) condenou, na noite da última segunda-feira (6), o réu Marcos Edcleber Oliveira Machado a 16 anos de prisão em regime fechado, por ser acusado de matar, asfixiada, a comerciante Maria Auxiliadora Silva Colares, no dia 10 de junho de 2014, em Fortaleza.

Apesar da condenação, a Justiça também determinou que Marcos Edcleber, 22 anos de idade, pode recorrer à decisão em liberdade. Único acusado do assassinato, ele respondeu ao processo em liberdade.

De acordo com os autos do processo, Marcos foi até a casa de Maria Auxiliadora no bairro Vila Peri para encontrar a sua namorada, que era sobrinha da vítima e morava no segundo andar do imóvel, mas não estava no local.

O réu então teve relações sexuais com a vítima, que tinha 48 anos de idade na época, e a matou asfixiada. O corpo da mulher foi colocado dentro do seu próprio carro, que foi encontrado quase 24 horas depois do crime, no cruzamento da Avenida Osório de Paiva com a Rua Arruda Câmara, no bairro Siqueira.

Na sentença, o juiz Raimundo Lucena Neto justificou que o acusado “atuou com frieza” e que “o crime foi cometido mediante recurso que impossibilitou a defesa da vítima”, com “agravante do meio cruel”.

Diário do Nordeste