Ubajara Notícias

Canadense de 17 anos acerta bolada no rosto de juiz e é desclassificado na Copa Davis

Que situação na Copa Davis…

 

Canadá e Grã Bretanha disputavam o jogo decisivo do confronto na primeira rodada quando o jovem canadense Denis Shapovalov foi desclassificado.

Ex-número 2 juvenil, Shapovalov, de 17 anos, quis descontar a frustração de ter sido quebrado isolando uma bola. O que o canadense não esperava é que a bolada iria atingir o juiz de cadeira em cheio no olho esquerdo.

 

Após o jogo, Denis Shapovalov se desculpou pelo episódio: “Tenho de pedir desculpa ao árbitro e a todos os juízes de linha. O meu comportamento foi inaceitável. Estou muito envergonhado e jamais voltarei a fazer uma coisa destas. Eu me sinto muito envergonhado, constrangido e péssimo por ter decepcionado meu time e meu país”.

A regra no tênis é clara: desclassificação se o tenista atingir qualquer pessoa intencionalmente ou não, dentro ou fora da quadra, quando não estiver disputando um ponto. Fim do confronto, sem discussão. O juiz ficou com olho roxo, Shapovalov ficou desolado e o time britânico estava perdido, sem saber como comemorar.

“Foi uma maneira estranha de terminar o jogo. Nunca fiz parte de um jogo assim”, disse o adversário, Kyle Edmund, que venceu o confronto por 6/3 6/4 *2/1 e desistência. Capitão da Grã Bretanha, Leon Smith também comentou a situação bizarra: ”Foi um pouco surpreendente no final e sinto pelo jovem garoto. Ele tem grande talento e aprendeu uma lição dura hoje”.

Sem Andy Murray, a Grã Bretanha conseguiu avançar às quartas de final da Copa Davis. O Canadá, por sua vez, jogará a repescagem.

 

Copa Davis - Canadá x Grã-Bretanha - Denis Shapovalov acerta árbitro Arnaud Gabas tênis

GE