Ubajara Notícias

Abel elogia reforço, Henrique e evita empolgação após clássico: ‘Deu o resultado, mas falta muita coisa’

Abel Braga, durante a vitória do Fluminense sobre o Vasco

Abel Braga, obviamente, se mostrou animado com a vitória contundente do Fluminense sobre o Vasco por 3 a 0, neste domingo, pela estreia no Campeonato Carioca. E em específico com dois jogadores, que foram muito elogiados pelo treinador na entrevista coletiva depois da partida realizada no Engenhão.

Um deles foi o atacante Henrique Dourado, autor do segundo gol da partida.

“Às vezes, a gente olha só para a bola e não repara quem se movimenta para receber. Quantas vezes chegamos na cara do Martín Silva sem ele aparecer? Isso mostra a importância dele, a inteligência dele, e olha que só tínhamos o Wellington como jogador rápido pelo lado. A torcida vai entender a importância dele. Ele batalha com os zagueiros, é ele quem comanda o time para marcar alto. É a nossa referência” , declarou Abel.

Outro a ser destacado pelo técnico foi o volante Jefferson Orejuela, de 23 anos, que foi contratado para esta temporada junto ao Independiente del Valle, atual vice-campeão da Libertadores.

“O rapaz deu show hoje, Orejuela deu show de primeiro volante. Falei que não gostaria de usar o Douglas como primeiro volante, a não ser em situação de jogo. Eu tiraria 65% da capacidade dele. O Vasco deixou o paraguaio (Julio dos Santos) centralizado e adiantou o Andrezinho para a linha do Nenê. Tomei sufoco. O Sornoza tinha de ir para trás, para pegar o André. Depois, coloquei o Luiz Fernando e adiantei o Douglas. E pararam de acontecer as jogadas perigosas deles. Ele foi muito bem ao cumprir o que foi pedido”, afirmou.

Sobre a partida, Abel mostrou sua satisfação, mas evitou se empolgar muito com o resultado da segunda partida oficial do Fluminense na temporada. No meio da semana, a equipe havia batido o Criciúma, pela Primeira Liga.

“Estou animado, pelo torcedor. No ano passado, estava preocupado e decepcionado como eles. Meu lado tricolor mexeu ao ver o público cantando hoje. Isso mexe, dá confiança, e volto a frisar: não queria jogar clássico na primeira rodada. Deu o resultado, mas falta muita coisa. Temos de melhorar e criar mais situações de jogo”, disse.

O Fluminense voltará a campo na quarta-feira, quando receberá o Resende no estádio Moça Bonita, às 16h30 (de Brasília), pela segunda rodada do grupo C do Campeonato Carioca.

MSN