Ubajara Notícias

Integrantes do Conselho Nacional de Segurança Pública ameaçam reunciar ao mandato

Integrantes do Conselho Nacional de Segurança Pública ameaçam reunciar ao mandato

Após a renúncia de sete integrantes do Conselho Nacional de Política Criminal e Penitenciária (CNPCP) na última quarta-feira (25), agora a ameaça parte do Conselho Nacional de Segurança Pública, que está sem se reunir desde que o presidente Michel Temer assumiu o mandato.

Os integrantes acusam o ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, de ignorar o grupo e ter passado por cima das competências do órgão, além de não ter sido consultado sobre o Plano Nacional de Segurança, lançado em meio à crise penitenciária.

As reuniões do Conselho de Segurança (Conasp) são marcadas pelo secretário de Segurança Pública, Celso Perioli. Conselheiros dizem que, se até fevereiro não for convocado encontro, renunciarão. Outor sgrupos ligados ao Ministério da Justiça reclamam também que a política de Alexandre de Moraes tem sido de esvaziamento, e consequentemente, da participação da sociedade nas decisões sobre políticas públicas.

O temor é que alguns conselhos sejam até mesmo extintos, pois vários foram criados por decreto, e podem ser eliminados facilmente. A informação está publicada na coluna Panorama Político de Ilimar Franco (O Globo).