Ubajara Notícias

Procuradores da Coreia do Sul pedem prisão de herdeiro da Samsung

Imagem relacionada
Foto: Reprodução

Promotores da Coreia do Sul pediram a prisão do herdeiro da Samsung, Lee Jae-yong, nesta segunda-feira. Lee foi acusado de estar envolvido no escândalo de corrupção sul-coreano por suborno. Os procuradores esperam que o mandado de prisão de Lee seja aprovado por um tribunal sul-coreano, que deve se reunir na próxima quarta-feira. Um mandado de prisão permite que procuradores especialmente nomeados para comandar a investigação detenham Lee.

Um porta-voz do Ministério Público Especial do país, que supervisiona a investigação, disse nesta segunda-feira que, embora o impacto econômico da prisão de Lee fosse considerado pelo órgão, “é mais importante buscar justiça”. O conglomerado da Samsung representa quase um terço do valor da bolsa da Coreia do Sul.

A empresa afirmou que “não fez contribuições para receber favores. Em particular, achamos difícil aceitar o argumento do promotor especial de que a Samsung fez pedidos impróprios relacionados à fusão de filiais ou à transição de liderança”.

O mandado de prisão de Lee é o mais recente caso do escândalo de corrupção política que abalou a Coreia do Sul e levou ao impeachment da presidente Park Geun-hye.

A ação pode levar ainda mais problemas à Samsung, que pode enfrentar um vazio de liderança após tentar se recuperar de um recall maciço do Galaxy Note 7.

O Povo