Ubajara Notícias

Menino atira em prisioneiro e vídeo é divulgado em redes sociais

Em um vídeo divulgado pelo Estado Islâmico (EI) no último domingo, 8, um garoto de cerca de 4 a 5 anos aparece com uma pistola atirando na cabeça de um prisioneiro que esta algemado.

Segundo o jornal britânico Daily Mail, é provável que a gravação tenha sido feita no Iraque, local onde o grupo terrorista vem perdendo seu espaço por forças do governo federal desde 2014.

A criança do vídeo aparece acompanhada de um homem que o incentiva a cometer ato e acompanha na ação.
O vídeo foi divulgado pelo grupo de ativistas Raqqa is Being Slaughtered Silently (Raqqa está sendo abatida silenciosamente). Em suas redes sociais, os ativistas costumam denunciar as violências cometidas pelo grupo terrorista.

Usar crianças em suas ações é uma das estratégias já conhecidas do grupo jihadista, chamados de “filhotes de califado”, meninos e meninas são usados para combater na linha de frente e são treinados desde bem pequenos, quando aprendem a usar armas e táticas militares.

Atualmente, o EI é o principal grupo terrorista do mundo e ultrapassou o grupo terrorista que era liderado por Osama Bin Laden, Al-Qaeda.

Redação O Povo Online