Ubajara Notícias

Polícia Civil prende homem que furtava objetos de valor enquanto dedetizava residências

A Polícia Civil prendeu um homem suspeito de furtar objetos de valor em visitas que fazia para dedetizar imóveis de clientes. Enquanto prestava o serviço, o homem se aproveitava da distração dos proprietários e dos funcionários da residência para cometer o crime. A prisão preventiva do suspeito foi cumprida, nessa quarta-feira (21), no bairro Aldeota, na Área Integrada de Segurança 3 (AIS 3), área de atuação do infrator.Sandro Kauip Teodósio Cajazeiras (25), que não possuía antecedentes criminais, foi preso e confessou em depoimento que oferecia o serviço de dedetização por telefone e furtava joias (avaliadas em até R$ 40 mil), relógios e dinheiro. Segundo investigações, ele foi desligado de uma empresa do mesmo ramo motivado pelas diversas reclamações que os clientes faziam comunicando a ausência de objetos depois da visita dele. A partir de então, Sandro passou a prestar o serviço de forma autônoma.

Com seis inquéritos abertos contra Sandro por furto, as investigações sobre as práticas de furto dele continuam em curso para descobrir se há participação de outros envolvidos no crime, já que o homem costumava levar outros funcionários para atender os clientes, e para saber a quem Sandro destinava os produtos do delito. A Polícia aguarda o reconhecimento do suspeito por parte de outras pessoas vítimas do criminoso.

O suspeito foi conduzido para o 2º Distrito Policial, onde foi autuado pelo crime de furto qualificado pelo abuso de confiança, já que ele se aproveitava da função de dedetizador para praticar os crimes e em razão de ter livre acesso às dependências dos clientes.

Fonte: SSPDS