Ubajara Notícias

Câmara articula anistia para crimes de caixa 2 e pode beneficiar Cid Gomes, citado na lista da Odebrecht

Câmara articula anistia para crimes de caixa 2 e pode beneficiar Cid Gomes, citado na lista da Odebrecht

A Câmara dos Deputados votará, nos próximos dias, o pacote de medidas de combate à corrupção que prevê a criminalização do caixa 2 em campanhas eleitorais. Porém a medida abre precedente para uma anistia a políticos, empresas e partidos que praticaram o crime antes da aprovação da lei.

A anista é articulada, nos bastidores do Congresso Nacional, por políticos sob a mira da Justiça e pode acabar, caso aprovada, beneficiando o ex-governador Cid Gomes (PDT), citado na lista da propina da Odebrecht sob o codinome “O Falso”, ao lado da soma de R$ 200 mil.

O problema para Cid e outros envolvidos no esquema é que os promotores da Lava Jato estão considerando o repasse de verbas pelas empresas envolvidas como propina, não caixa 2.

Configura crime de caixa 2 não declarar recursos financeiros aos órgãos de fiscalização. Já a propina é pagamento, pelas empresas, a políticos por determinados benefícios.

Ceará News 7