Ubajara Notícias

Investimentos no Interior somam R$ 68 milhões

Resultado de imagem para Investimento

Os investimentos privados para a instalação de unidades produtivas no Interior do Estado somam R$ 68 milhões. Os recursos foram contabilizados pela Agência de Desenvolvimento Econômico do Ceará (Adece) e contemplam os municípios de Tauá, Quixeramobim e Brejo Santo.

 

A Alltex, fabricante de preservativos e luvas cirúrgicas, será inaugurada no início de 2017 em Tauá. Os investimentos da companhia amazonense para a construção são da ordem de R$ 12 milhões, com expectativa de 302 empregos diretos criados. A operação aguarda ajustes no galpão onde a fábrica irá funcionar, por se tratar de um produto (látex) que necessita de refrigeração. A área para a construção é de 2,5 mil metros quadrados. O objetivo da empresa é atender os mercados do Nordeste. Em um segundo plano, atingir os mercados nacional e do Mercosul.

 

A Aniger, indústria de calçados, iniciou a construção de uma unidade em Quixeramobim. O valor projetado para a operação é de R$ 5 milhões, com perspectiva de geração de 500 empregos diretos. O contrato de entrega para o galpão de 1.000 metros quadrados deve ocorrer até o final do mês e o funcionamento é previsto para dezembro. A companhia é fabricante das marcas Nike, Quiksilver, além das marcas próprias Jolie, Zenska, Petit entre outras.

 

Outra empresa de calçados, a Dilly, deve passar por ampliação em Brejo Santo. Hoje, em fase de testes, a unidade conta com aproximadamente 600 empregados, mas tem capacidade para aumentar em mais 1.900 postos de trabalho. O investimento total da empresa, cuja sede é no Rio Grande do Sul, foi de R$ 51 milhões.

 

Dificuldades

Apesar da instalação das empresas no Interior, o cenário ainda é de desconfiança para o empresário. Segundo Ferruccio Feitosa, presidente da Adece, a melhora no quadro de atração deve aumentar apenas em 2017. “Tem sido um ano difícil. Com o aquecimento da economia, prevista para o ano que vem, esperamos melhorar”, destacou.

 

Ele cita que uma das estratégias para atrair investimentos é o Balcão do Investidor. A ferramenta online recebe demandas dos interessados e da velocidade aos processos de instalação de empresas no Ceará.

 

“Ajuda nos encaminhamentos dos processos de instalação no Estado e otimiza tempo. Outra vantagem é identificar necessidades das empresas relacionadas à mão de obra”, afirma Ferruccio Feitosa.

O Povo