Ubajara Notícias

Câmara municipal de Ubajara lança nota de esclarecimento sobre falsa votação

c0d4f8f2-6bd4-4c88-bdb7-e88d0395284b
A falsa corrente se espalhou rapidamente através do whatsapp e gerou revolta nos internautas.

A câmara municipal de Ubajara lançou uma nota de esclarecimento no final da tarde dessa segunda-feira (12), repudiando a corrente enviada pelas redes sociais, onde dizia que alguns vereadores haviam votado contra a vinda de uma suposta fábrica ao município.

A nota ainda esclarece que a única votação que ocorreu durante a sessão foi realizada para liberação do pronunciamento da CDL. Onde essa convidou a população para um evento que ocorreria naquela mesma noite. Todo o processo foi seguido de acordo com o regimento interno do legislativo.

Leia a nota na integra:

O Poder Legislativo Municipal de Ubajara, por seu Presidente, Emílio de Oliveira Silva, ao tomar conhecimento da veiculação de informações inverídicas e caluniosas que circulam na mídia a respeito de uma “suposta” votação de isenção de impostos para uma certa “empresa” instalar-se em Ubajara, ocorrida na última sessão da Câmara Municipal de Vereadores de Ubajara, sexta-feira, 09 de setembro de 2016, vem a público esclarecer que as informações veiculadas são inverídicas, que nunca foi enviado pelo Prefeito Municipal e/ou Secretários, a esta casa Legislativa qualquer projeto de isenção de impostos, aprovação de despesas e/ou desapropriação de imóvel ou similar para a instalação de qualquer empresa no Município de Ubajara.

Esclarece ainda, que na última sessão legislativa, o que foi votado, atendendo as regras regimentais desta Casa, que se relaciona ao fato comentado, foi à liberação de espaço de pronunciamento para cidadão do povo, transmitir informações (convite evento).

Cabe ressaltar que o Poder Legislativo Municipal de Ubajara, por unanimidade de seus vereadores, defende e aprova todo e qualquer projeto sério que venha a beneficiar os munícipes de Ubajara.

Por fim, REPUDIAMOS todas as informações falsas e inverídicas bem como “ações eleitoreiras” que venham a denegrir a imagem dos Edis e consequentemente dos ubajarenses.

Ubajara-CE, 12 de setembro de 2016

Emílio de Oliveira Silva
Presidente

Gostou?
Compartilhe!